Projeto “Semeadores de Livros” na Pandemia

Apesar do momento atípico, quando 2020 foi assolado por um vírus desconhecido, que mudou não apenas a economia, como questões sanitárias e comportamento humano, a distribuição de livros não parou! Com o distanciamento social, o interesse pela literatura teve aumento significativo durante a pandemia e o Projeto “Semeadores de Livros”, neste mesmo período, continuou incentivando essa prática que se iniciou lá nos primórdios de 2011.

Durante a pandemia surgiram novas práticas! Foi necessário nos adaptarmos a momentos difíceis, sem dúvida! E com o Projeto não foi diferente. Apesar das restrições, os pedidos de assíduos leitores pela procura de livros e para doação ao Projeto não pararam, chegando ao número de 568 exemplares retirados e 320 livros doados ao Projeto, direcionando-nos a uma inovadora forma de distribuir livros e, é claro!, respirando todas as normas recomendadas pela OMS – Organização Mundial de Saúde.

Agora, nessa nova fase de retomada das atividades em São Paulo, antigos postos de distribuição estão sendo reabertos com a presença da população. Exemplo que ocorre em Mairiporã, com o RESTAURANTE SANTA ROÇA, como um destes pontos que reabriram e logo retomou a atividade de distribuição de livros.

Nestes tempos turbulentos, representando em especial os demais pontos colaboradores, destacamos um destes pontos de distribuição de livros na Capital, que mesmo durante a pandemia continuou engajado no Projeto, incentivando seus clientes a doarem livros. Como impulsionador do “Semeadores de Livros”, continuou deleitando seus clientes com os mais variados gêneros literários, distribuindo para aqueles que lá iam buscar suas refeições os livros doados pelo Projeto. Esse é o caso do KAMKI RESTAURANTE, o “Amarelinho” como é conhecido, um dos primeiros colaboradores a ceder um ponto de distribuição de livros. O número de livros distribuídos em 2020 e 2021 por ele nos surpreende: foram 191 exemplares distribuídos e 102 recebidos em doação, quantidade bastante significativa no quadro geral de 2.858 das distribuições feita e 1.355 recebidos durante o mesmo período.

Outras formas de distribuição foram utilizadas. Foram colocadas caixas de livros em condomínios residenciais, distribuídos livros em estações de metrô e pontos de ônibus. E, agora, também outros novos pontos de distribuição vêm se engajando no Projeto, ampliando a distribuição gratuita de livros.

Isso só nos orgulha por termos tantos parceiros colaborativos, além dos voluntários que igualmente contribuem com o Projeto, que tem como meta incentivar ainda mais a prática da leitura e promover o acesso do maior número possível de pessoas a inúmeros e diversos livros, gratuitamente.

Fica aqui nossos agradecimentos a todos que acreditam que a leitura é uma excelente oportunidade para aprender mais sobre seus assuntos favoritos e conhecer temas novos.

 
Translate »